Páginas

Dicas de cuidado e manutenção da parte elétrica

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

A bateria do carro apresenta algum risco de choque elétrico ?
A voltagem de uma bateria de carro é nominalmente 12V com o pólo negativo conectado ao chassi (terra do sistema) , e não apresenta perigo de choque elétrico algum . Porém  alguns cuidados merecem ser observados , pois a Bateria é bastante POTENTE com relação a ENERGIA que armazena , veja a seguir.


Então é possivel mexer na fiação elétrica sem o menor cuidado ?
Isto não é bem verdade , veja com atenção os cuidados a serem observados. A capacidade de armazenamento de ENERGIA de uma bateria é consideravel , isto significa que ela pode fornecer uma CORRENTE elétrica bastante alta , diferentemente por exemplo de uma pilha . Exemplo: uma bateria de 55Ah , tem capacidade de fornecer até 55 amperes durante 1 hora . Isto é apenas uma medida de energia , não significando que esta bateria não possa fornecer CORRENTES BEM MAIORES , como por exemplo na partida, um motor de arranque consome uma corrente extraordinária  (observe a espessura do cabo que liga a bateria ao arranque) . Agora o ALERTA: qualquer "curto circuito" acidental na fiação do carro (positivo com negativo) irá produzir danos, desde a simples queima de um fusivel (é para isto que eles existem) até a queima da fiação.


Quais cuidados devem ser tomados para previnir estragos maiores ?
Ao instalar qualquer equipamento elétrico/eletrônico novo no carro , a alimentação (12V) deve SEMPRE ser conectada APÓS a passagem pela caixa de fusíveis , assim , curtos acidentais irão no máximo produzir a queima de um fusivel , e não a destruição da fiação.


Alguns equipamentos são ligados direto a bateria , como e porque ?
Sim , existem alguns equipamentos (ex: boosters de áudio , etc) que pelo seu ALTO CONSUMO de corrente são desaconselhados a serem ligados pela caixa de fusiveis normal do veiculo (fusiveis de baixa amperagem). Dai a orientação a serem ligados diretamente aos bornes da bateria MAS SEMPRE COM A INCLUSÃO DE FUSÍVEIS APROPRIADOS para a corrente que ira circular . Para estas finalidades existem PORTA FUSIVEIS em cerâmica ou outro material resistente ao calor gerado. A bitola do fio utilizado também deve estar apropriada a corrente .


Qual a durabilidade media de uma bateria ?
É dificil prever a durabilidade de uma bateria , pois alguns fatores podem acelerar o seu envelhecimento - desgaste , como por exemplo: exposição excessiva a temperaturas extremas ( calor ou baixas temperaturas) por períodos prolongados . A falta de água na solução eletrolita também contribui para a drastica deterioração das placas . Em média , pode-se dizer que uma bateria NOVA , deve desempenhar seu papel (boas partidas) no mínimo por 2 anos .


Porque os Farois e Luz de neblina devem ser ligados atravez de um rele ?
Todo equipamento que vai drenar uma corrente elétrica elevada deve ser acionado sempre atravez de um rele , com contatos apropriados a esta corrente . Isto porque a passagem da corrente alta provoca AQUECIMENTO nas junções de contato . Assim , por exemplo  , se vc acinar um farol de carro 55 Watts ( aproximadamente 5 amperes cada farol) atraves de um interruptor simples , passarão pelos contatos aprox. 10 amperes !! o que em pouco tempo ira "derreter" e inutilizar a chave .


Porque equipamentos que ficam ligados direto mesmo quando o veiculo esta estacionado são danosos a bateria ?
Alguns equipamentos , como por exemplo determinados tipos de contagiros , radios , etc , permanecem ligados a bateria mesmo com o veiculo desligado . Por menor que seja o consumo  a bateria estara continuamente sendo descarregada . Um exemplo simples: um produto que consuma apenas 15 miliamperes , estara consumindo da bateria no final de um dia desligado (24 horas) 24 x 15 = 360 miliamperes . No final de uma semana (7 dias x 24 horas) , o consumo será de 360 x 7 = 2520 ou seja 2,5 Amperes !! Em baterias "usadas" este consumo pode inclusive significar "dificuldades" na partida do carro . Nossos produtos são conectados sempre APOS A CHAVE DE IGNIÇÃO , e permanecem DESLIGADOS - sem consumo algum da bateria , quando o veículo permanece desligado .


É importante "medir" constantemente a VOLTAGEM da bateria ?
A voltagem da bateria de um carro apresenta valores bem definidos em determinadas condições , portanto digo que a VOLTAGEM da bateria não requer uma LEITURA constante e direta , pois isto seria exagêro de monitoração e sem vantagens alguma para o seu contrôle. Basta vc saber a condição basica em que ela se encontra . Daí os voltimetro digitais que apenas exibem faixas de valores 
 (veja nosso produto VOLTIMETRO P/ BATERIA na foto abaixo)
Veja porque:
Uma bateria de carro é NOMINALMENTE definida como tendo 12,6 volts .
 Esta bateria quando exposta ao sistema de CARGA pelo alternador (veiculo com motor ligado) , exibira uma voltagem muito proxima a 14 volts . A diferença (14 - 12,6 = 1,4 volts) é que garante a CARGA da bateria.
Quando o veículo estiver desligado , e parado por muito tempo , é comum a bateria se "auto descarregar" , seja pelos aparelhos que ficam constantemente ligados (isto não é bom ...) seja pelo envelhecimento da bateria . A voltagem nestes casos poderá atingir valores ABAIXO da nominal 12,6 v . Até 11,0 v  ainda podemos dizer que a bateria esta ATIVA . Isto porque na hora da partida .. o consumo do MOTOR DE ARRANQUE , irá exigir MUITAAA corrente . Baterias que apresentem voltagems abaixo de 11V ... "alerta"  causarão problemas no arranque .
Vemos portanto que monitorar constantemente a VOLTAGEM DA BATERIA é um exagero , pois seu valor nunca ultrapassa os limites que apresentei acima . Basta então conhecer tres condições: bateria voltagem nominal ? = 12,6v  OK . Motor ligado , alternador carregando > Voltagem de carga = 14 v OK . Veiculo desligado , bateria em "auto descarga" ... voltagem de alerta = MENOR QUE 11 v.


O que são os "ruídos" gerados por um automóvel ?
Equipamentos eletronicos são produtos sensiveis a RUÍDOS ELÉTRICOS . Podemos distinguir os ruidos que "circulam" pelas linhas elétricas (fiação) , e os ruídos que são transmitidos por campos chamados "eletro-magnéticos" , ou seja são transmitidos pelo "ar" . Um veiculo a motor é um POTENCIAL GERADOR DE RUIDOS , onde parte deles circula pela fiação do carro , e parte é irradiada . Um exemplo típico desta irradiação de ruidos esta no sistema de IGNIÇÃO e VELAS . Os sinais pulsantes de alta voltagem que são aplicados as VELAS do MOTOR , circulam pelos CABOS DE VELAS , bobinas , sistemas de ignição , gerando RUIDOS tipicos . Os equipamentos eletronicos possuem FILTROS que ATENUAM a entrada/captação destes ruídos , mas nem sempre são totalmente eficientes . È facil de se perceber até mesmo no auto-radio do carro , quando se esta proximo a um motor externo: aquele "pipocar" é o RUIDO captado deste motor . Típicamente os "tradicionais" veiculos com sistema de ignição a PLATINADO , são os "campeões" na emissão de ruidos , a ponto de que alguns contagiros da praça não conseguirem identificar corretamente os sinais válidos de pulsos . Para estes casos extremos existem FILTROS especificos p/ esta finalidade (veja em meus produtos) que irão permitir a ligação de contagiros convencionais mesmo a sistema de ignição a platinado .


 
 
 
by AméricaDez
by América Dez