Páginas

Ford mostra a linha Mustang 2013 no Salão de Los Angeles

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

A Ford está expondo no Salão de Los Angeles a linha Mustang 2013, que começa ser vendida no segundo trimestre do ano que vem nos EUA. O modelo será apresentado pela primeira vez em três versões especiais: Boss 302, Boss Laguna Seca e Shelby GT500 com motor de 659 cv.
O Mustang continua com o visual agressivo, mas obteve aumento do conteúdo de tecnologia embarcada. Nos modelos V6 e GT, os faróis HID são acompanhados por duas barras de LEDs. As soleiras agora são da cor da carroceria. A traseira ganhou um painel preto brilhante e lanternas com LEDs e lentes fumê, que mantêm a conhecida luz de pisca sequencial.
A versão com motor 5.0 passa a ter 426 cv e a opção de transmissão automática de seis velocidades SelecShift, que permite trocas manuais. Outras novidades são: assistência de saída em rampas, tela de LCD de 4,2 polegadas, com informações de desempenho e consumo, e o Track Apps, que permite controlar a aceleração a frenagem.
Os Mustangs Boss 302 e Boss Laguna Seca 2013 têm a nova opção de cor amarela "School Bus" com listras escuras refletivas, para homenagear o modelo que competiu no Trans-Am Championship em 1970, com o piloto Parnelli Jones. Possui motor de 450 cv, com transmissão manual de seis velocidades. A tração traseira usa uma relação de 3,73:1 e o diferencial tem discos de fibra de carbono para melhor desempenho e durabilidade.
 

Baseada no modelo GT, a suspensão foi rebaixada e refinada com novas molas, buchas e barra estabilizadora maior, além de contar com estrutura e amortecedores ajustáveis. As rodas de 19 polegadas são calçadas com pneus 255/40ZR-10 na frente e 285/35ZR-19 na traseira. Os freios Brembo, de quatro pistões, contam com ABS. O Boss Laguna Seca tem suspensão mais rígida, mais kits aerodinâmicos e perdeu os bancos traseiros para reduzir peso e se tornar mais adequado ao uso em circuitos.
O novo Mustang Shelby GT500 obteve praticamente todos os sistemas aprimorados, incluindo motor, freios, transmissão, suspensão, eixos, embreagem e cardã em fibra de carbono. O design da carroceria foi trabalhado para melhorar a aerodinâmica e a refrigeração, incluindo extratores de calor no capô. O novo motor V8 de 5.8 litros, de alumínio, gera 659 cv e torque de 82,9 kgfm.
Os controles eletrônicos de estabilidade e tração podem ser desabilitados para dar total controle do carro ao motorista. As rodas são de 19 polegadas na frente e 20 polegadas na traseira, com pneus Goodyear Eagle F1 SuperCar. Há também a opção de amortecedores com ajuste eletrônico e limitador do diferencial e os freios Brembo de seis pistões usam pastilhas com novos compostos.

Fonte: o mecânico

 
 
 
by AméricaDez
by América Dez